OPOSITORES ESPERNEIAM, E PREFEITO ELEITO DE GUAJARÁ-MIRIM TRABALHA PLANO GOVERNO PARTICIPATIVO

Por: XICO NERY 
No rescaldo da eleição suplementar, o prefeito eleito Cícero Noronha, segundo porta-vozes da de campanha ‘não tem se preocupados com os ataques’ e que diante dessa situação ainda não manifestou interesse em ajuizar qualquer tipo de ação judicial. – See more at: http://www.newsrondonia.com.br/noticias

Porto Velho, Rondônia – O prefeito vitorioso de Guajará-Mirim, Cícero Noronha [DEM], vem sofrendo uma verdadeira campanha de xingamentos de grupos de opositores depois que a Justiça Eleitoral divulgou os resultados da eleição suplementar do domingo [2].

Segundo autoridades locais acionadas por telefone e através de e-mails, ‘ainda não se pode atribuir culpabilidade à essas pessoas, apenas pelo fato de se mostrarem, aparentemente, insatisfeitas pela derrota do candidato, Sérgio Bouez; até porque não se sabe se, são ou não, seus partidários’.

– Fato ainda que não fora, até agora, comprovado, alegaram as fontes anônimas.

Ao menos duas pessoas que publicaram comentários através do FACEBOOK – e que assinaram a página pessoal, ‘foram identificadas e podem responder a processos por injuria, calunia e difamação’. Porém, ‘o prefeito eleito ainda não teria manifestado interesse de ajuizar a ação pertinente à Justiça’.

Enquanto isso, nas rodas políticas que vão das praças, bares, restaurantes, hotéis e pousadas aos corredores da Câmara e Prefeitura, é que ‘Noronha, um jovem empresário, não só ganhou a eleição, mas botou a pique velhos caciques e raposões da política rondoniense’.

Ao candidato vereador e advogado, Serginho Bouez [PSB], foi dado todo o apoio de parte das forças políticas de Porto Velho, entre eles, agentes do Estado como o Vice-Governador, Daniel Pereira, prefeito Hildon Chaves, Expedito Júnior, deputados Cleiton Roque [PSB], Alex Redano [PRB], Expedito Neto [PSD], Lebrão [PMDB], Rodrigo Nogueira [PDT e ex-diretor do DETRAN] e outros de menor expressão.

No rescaldo da eleição suplementar, o prefeito eleito Cícero Noronha, segundo porta-vozes da de campanha ‘não tem se preocupados com os ataques’ e que diante dessa situação ainda não manifestou interesse em ajuizar qualquer tipo de ação judicial. Mas que estaria estudando uma melhor para dar satisfação à sociedade do município.

– Enquanto os cães danados ladram e a carruagem passa ao largo, afirmam partidários, amigos e simpatizantes do prefeito eleito de Guajará-Mirim, o novo grupo começa a botar em prática o novo formato de Governo que pretende imprimir a partir da diplomação e posse no cargo.

De acordo informações, finalmente o município de Guajará-Mirim dará sinais de que, talvez, a pior das crises políticas e econômicas venha a passar caso o novo prefeito ponha em prática todas as medidas de recuperação da imagem da cidade, das instituições e da auto-estima da população sejam puxados para cima.

‘A confiança a ele dada pelas urnas que responderam com votação expressiva diante do oponente preferido das forças do Palácio Rio Madeira, do Poder Legislativo e de municípios distantes [Capital e Interior do Estado], não seja desperdiçada quando da vez anterior, quando um gráfico e um médico foram eleitos e falharam’, atestam correligionários do novo prefeito.

A VOZ DO POVO – A confiança dada ao novo Prefeito, de acordo com essas fontes, passa pela busca dele por agentes econômicos e políticos de resultados ao seu redor.Ao Prefeito a população propôs que faça um Governo Participativo é de caráter heterogêneo entre aliados, priorizando a inovação da máquina administrativa, com ações afirmativas na saúde, educação, segurança, meio ambiente, defesa dos direitos civis, obras, energia, infra-estrutura, geração de emprego e renda com atração de indústrias de caráter sustentáveis.

Fonte: newsrondonia

Comentários no Facebook